Sem reação, Figueirense perde a sexta seguida na Série A

Alvinegro do Estreito perde por 2 a 0 para a Portuguesa jogando fora de casa

Por INfoesporte

Deprecated: Function split() is deprecated in /var/www/vhosts/infoesporte.com.br/httpdocs/noticias/noticias.php on line 125

04/08/2012 - 23h32

Compartilhe:

Tamanho da letra: A- | A+

Piorou. O Figueirense perdeu por 2 a 0 para a Portuguesa no Canindé e acumulou a sexta derrota seguida na Série A do Campeonato Brasileiro. O resultado mantém o Alvinegro na lanterna da competição com apenas oito pontos em 42 disputados.

A vitória dos paulistas foi construída com gols do Bruno Mineiro e do Ananias. O primeiro veio após rebote em cobrança de falta. Ricardo espalmou para o meio e o atacante empurrou para o fundo do gol aos nove do segundo tempo. Ananias complementou o placar ao finalizar com perfeição rápido contra-ataque aos 40 minutos.

O próximo desafio do Figueirense é contra o Flamengo, na quarta-feira, pela 15ª rodada do Brasileirão no Estádio Orlando Scarpelli. A Portuguesa enfrenta o Bahia no estádio Pituaçu.

Primeiro Tempo: Faltou inspiração para os dois lados

A primeira etapa da partida foi daquela para se esquecer. Os dois times foram infelizes na maior parte do tempo. Melhor para os donos da casa que ainda conseguiram esboçar momentos de pressão. O placar registrou um daqueles merecidos zero a zero.

A Lusa começou envolvendo o Figueirense no meio do campo, mas sem conseguir chegar com eficiência ao ataque. O único chute a gol saiu bem torto com Ananias aos dois minutos. Somente aos 15 a Portuguesa chegou de novo, mas a finalização também não encontrou a meta após chute do Luís Ricardo.

O melhor lance do Figueirense foi com Lazaroni aos 25 minutos. O ?Garoto?, como o chama Hélio dos Anjos, arrancou pela meia-esquerda, deu um drible da vaca no marcador e chutou cruzado buscando Loco Abreu na segunda trave, mas a bola acabou saindo em lateral.

Moisés para a Portuguesa aos 26, Guilherme Santos para o Figueirense aos 27 nem assustaram com chutes de fora da área. Com Léo Silva foi diferente. Ele chegou bem, adiantou a bola na intermediária e bateu fortíssimo do meio da rua com muita força. A bola passou próximo do gol, mas saiu em tiro de meta.

Antes do intervalo, Lazaroni conseguiu puxar mais um contra-ataque. Praticamente repetiu o lance do minuto 25, mas desta vez preferiu concluir sozinho. Ele bateu de perna esquerda de fora da área, porém pegou mal e mandou direto para fora. Dida não precisou trabalhar na primeira etapa.

Segundo Tempo: Lusa abre o placar, Guilherme Santos é expulso e vitória paulista

O Figueirense voltou com Coutinho no lugar do Túlio que deixou o campo de jogo reclamando dores no músculo adutor. A situação agravou a ausência do meio de campo alvinegro. A Portuguesa passou a crescer e já começou assustando. Ricardo saiu da área para dividir com Ananias e evitar o primeiro gol.

Aos cinco minutos, grande chance para a Lusa. O atacante driblou dois jogadores catarinenses e bateu firme, no alto, balançando a rede pelo lado de fora. Em seguida, aos nove minutos, Bruno Mineiro chegou lá. Ricardo foi surpreendido com um desvio da bola na barreira e espalmou para o meio da área. O atacante apenas teve o trabalho de empurrar para o fundo do gol e comemorar: Portuguesa 1 x 0 Figueirense.

O Figueirense só conseguiu uma finalização com perigo ao gol e Dida foi preciso na intervenção. Aloísio bateu firme, seco na risca da pequena área e o goleiro espalmou bem para o lado do campo aos 19 minutos. Mas qualquer reação alvinegra ficou para trás depois da expulsão do Guilherme Santos aos 23 minutos.

Quando o jogo se encaminhava para terminar no 1 a 0, Marcelo Cordeiro ligou contra-ataque pela direita e achou Ananias livre para avançar e bater firme no canto direito do goleiro Ricardo: Portuguesa 2 x 0 Figueirense e assim o jogo terminou.

Ficha Técnica:

Portuguesa: Dida; Luis Ricardo, Gustavo, Valdomiro e Marcelo Cordeiro; Léo Silva, Moisés, Ferdinando e Heverton (Boquita); Ananias e Bruno Mineiro (Rodriguinho)
Técnico: Geninho

Figueirense: Ricardo; Doriva, Anderson Conceição, Fred e Guilherme Santos; Jackson, Túlio (Coutinho), Pittoni (Aloísio) e Guilherme Lazaroni; Caio (Julio Cesar) e Loco Abreu.
Técnico: Hélio dos Anjos

Cartões Amarelos: Anderson Conceição, Aloísio e Loco Abreu (F)
Cartões Vermelhos: Guilherme Santos (F)
Gols: Bruno Mineiro (9/2T) e Ananias (40/T) (P)
Arbitragem: Sandro Meira Ricci foi auxiliado por Fabiano da Silva Ramires e Vanderson Antonio Zanoti
Horário: 21h
Local: Canindé
Público: 1.600

PUBLICIDADE

Compartilhe:

0 Comentários para:

Sem reação, Figueirense perde a sexta seguida na Série A

Comentários

  • Nenhum Comentário

Comentar



INFOESPORTE - © Copyright 2011 - Todos os direitos reservados